Seja bem vindo ao nosso site Rádio Educativa Vanguarda FM!

Saude
EDUCAÇÃO
ESPORTE
ANINCIE AQUI
SOCIEDADE
ANUCIE SITE

Portal de Notícias

OrdemGRATIDAO sofre com demora para liberação do corpo de 'Gaguim' do HUT

Essa não é a primeira vez que o hospital, administrado pela Prefeitura de Teresina, repete situações como esta para liberação de corpos.

Publicada em 18/02/2022 às 10:19h - 17 visualizações

Link da Notícia:
Compartilhe
   

OrdemGRATIDAO sofre com demora para liberação do corpo de 'Gaguim' do HUT

O morador de rua João Felipe Ferreira da Silva, de 30 anos, mais conhecido como Gaguim, faleceu na tarde da última quarta-feira (16/02) e desde então seu corpo não foi liberado pelo Hospital de Urgência de Teresina. Ele recebia assistência da ordemGRATIDAO, de Eugênio Segundo, e a entidade está acompanhando o caso de perto para tentar resolver o problema.

Eugênio Segundo e Gaguim
Eugênio Segundo e Gaguim 

Inicialmente a ordem e a família de Gaguim foram informados que o corpo não foi liberado porque o diretor ou responsável não estava. Depois o documento para liberação foi preenchido errado, o que tem prejudicado a liberação.

Essa não é a primeira vez que o hospital, administrado pela Prefeitura de Teresina, repete situações como esta para liberação de corpos.

A família e amigos aguardam há quase 48 horas a liberação do corpo para que enfim ele possa ser sepultado.

Eugênio Segundo, que era amigo de Gaguim, organizou uma estrutura na Praça Vereador Tarso Carvalho, no bairro Ilhotas, Zona Sul de Teresina, para que o velório acontecesse, mas ela até agora não foi usada porque o corpo não foi liberado.

Gaguim passou mal na rua na manhã de quarta e foi encaminhado pelo Samu para o HUT, onde faleceu no final da tarde. Até esta sexta não há informações sobre a liberação.

Família constrangida
Sérgio Carlos, tio de Gaguim, comentou com o 180 sobre o sofrimento da família com a situação.

"É um constrangimento, a gente achava que quando chegasse lá ia resolver tudo rápido, mas ai teve esse problema, que eles erraram o nome, erraram a data de nascimento, preencheram e mandaram para a geladeira do HUT, só que para tirar de lá, quando chegou os documentos dele, não bate e não tira de lá", afirmou.

Gaguim faleceu no HUT
Gaguim faleceu no HUT 

"O que a assistente social fala é que está na geladeira, é como se fosse um pedaço de carne lá e quando tivesse que tirar para fazer... A família quer enterrar. Apesar dele viver em situação de rua, a família quer um enterro digno. O Eugênio Segundo disse que ia fazer o enterro e a família aceitou, mas está ai esse problema. Ontem ficaram ganhando tempo até chegar um horário que não dava mais para resolver nada e que só revolvia hoje, mas ainda não tivemos nenhuma resposta", completou.

Gaguim era amigo de Eugênio Segundo
Gaguim era amigo de Eugênio Segundo 

Advogado lamenta descaso
O advogado Rony Torres, do Grupo Eugênio, afirmou que vários equívocos foram cometidos pelo hospital.

"Tendo em vista o relato dos familiares, foi realizado um procedimento totalmente atípico no preenchimento do boletim do falecido. Informaram que ao chegar para identificar o corpo o boletim já havia sido preenchido pelos funcionários do hospital com informações, errôneas, fornecidas pelo paciente enquanto em vida", disse.

"Ao tentar corrigir a situação, apresentando documentos, se viram impedidos pelo médico responsável, no que lhes foi recomendado então procurar o diretor ou plantonista responsável, para que a família pudesse liberar o corpo e prestar as devidas homenagens. Mais uma vez lhes foi prontamente negado, pois o 'responsável' não estava e não lhes deram maiores informações de como resolver o caso. No que então registraram um BO, e retornaram ao hospital, que informou que liberaria somente no dia 18/02 pela manhã. Neste dia lhes foi negada a liberação novamente", completou o advogado.

"Apesar de sabermos que o hospital deve seguir rigorosas medidas de fiscalização e liberação, é necessário entender que é um momento difícil para a família e que a falta de informação, ignorância e brutalidade com que os funcionários trataram a família humilde, que somente desejava realizar o velório de seu ente, vai contra tudo que a legislação pátria prega sobre o bom funcionamento de entidades públicas. Existe, inclusive, precedente de indenização moral no TJDF pela demora, injustificada, na liberação de corpo no processo 2011.01.1.229.759-3", reiterou.

"Acredito que o mais correto seria abrir procedimento investigativo para apurar se a conduta dos funcionários se coaduna às diretrizes do hospital, e se por qualquer meio não poderiam ter facilitado a liberação do corpo para que a família pudesse prestar as devidas condolências", concluiu.

FONTE; 180 GRAU.




ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








WhatsApp 86994738001
Locutores
EDIVALDO RODRIGUES
CAMARA DE UNIÃO
CÃMARA DE MIGUEL ALVES
ADRIANA MORAIS
POVINO CARDOSO
SALVADOR OLIVEIRA
A VOZ DO BRASIL
PROSA RURAL
FCO SAMPAIO E TOMAZ BARBOSA
DANIEL CARDOSO
HORA DA AVE MARIA
REGINALDO CONCEIÇÃO
ALDO MELO
SANTA MISSA EM SUA CASA
SONS DA VANGUARDA
No Ar
Hora Certa

VIDEOS SOBRE SAÚDE
Bate Papo

Digite seu NOME:

Notícias Atualizadas
Grupo de voluntários realiza sonho de 26 meninas e promove baile de debutantes comunitário em BH
Maricá abre inscrição para o 3º Festival Estudantil de Artes
O Assunto #769: TSE e militares - freio de arrumação
Justiça decide que vídeos publicados nas redes sociais do governador de Alagoas não configuram propaganda eleitoral
Confusão entre torcedores de Ponte Preta e Vasco deixa policial e dois cavalos da PM feridos; vídeo mostra correria fora do estádio
21º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro acontece nesta quarta; veja indicados
Mega-Sena pode pagar R$ 8 milhões nesta quarta-feira
Thiaguinho comemora 20 anos de carreira com especial na Globo nesta quarta
Expoagro acontece de 28 de agosto a 4 de setembro em Manaus
Peça sua Música

Pedir

araujo (texeira)

Mineiros- GO

Ele Amou-me Sem Nada Pedir...

Ailton Bacelar

União

hoje tem cabaré ...

Ferdinan

Rio de janeiro

Qualquer uma de toinho do arroxa...

helemiltonmoraisda Silva

Teresina mas visitando União

folha seca...

text

text

text...

text

text

text...

Estatísticas

Visitas: 1564029

Usuários Online: 9

Rádio Vanguarda Educativa FM - Rua 10 de Novembro S/N P- Centro Empresarial Maria Amélia do Rego Motta - centro - União-PI - Fone: (86) 3265-1144
Copyright (c) 2022 - Rádio Educativa Vanguarda FM - Todos os direitos reservados
Converse conosco pelo Whatsapp!
site, tv, videos, video, radio online, radio, radio ao vivo, radio matutos, internet radio, webradio, online radio, ao vivo, musica, shows, top 10, music, entretenimento, lazer, áudio, rádio, música, promocoes, canais, noticias, Streaming, Enquetes, Noticias,mp3,Blog, Eventos, Propaganda, Anuncie, Computador, Diversão e Arte, Internet, Jogos, Rádios e TVs, Tempo e Trânsito, Últimas Notícias, informação, notícia, cultura, entretenimento, lazer, opinião, análise, jogos, Bandas, Banda, Novos Talentos, televisão, arte, som, áudio, rádio, Música, música, Rádio E TV, Propaganda, Entretenimento, Webradio, CD